Após divulgação do PIB dos EUA, dólar desacelera e Ibovespa cai

Com investidores atentos aos dados preocupantes da atividade econômica dos Estados Unidos (EUA), além do aumento de casos de coronavírus em regiões da Ásia e da Europa e divulgação de balanços no Brasil, o Ibovespa opera em queda nesta quinta-feira (30). Às 12h10, o índica recuava 1,33%, aos 104.203,61 pontos.

Após decisão do Federal Reserve (Fed), anunciada na véspera, a moeda americana seguiu a tendência da última sessão e iniciou o dia em alta frente ao real. Logo após a divulgação do PIB dos EUA, o preço do dólar à vista desacelerava, mas ainda crescia 0,25%, às 12h10, negociado aos R$ 5,18 na venda.

No Brasil, os balanços trimestrais de grandes companhias ainda são o principal foco dos investidores. Na véspera, a mineradora Vale anunciou lucro líquido de US$ 995 milhões no segundo trimestre enquanto o Grupo Pão de Açúcar (GPA) teve queda de 20% no lucro líquido, apesar de crescimento expressivo nas vendas em meio à pandemia de Covid-19.

Pela manhã, a fabricante de bebidas Ambev SA informou que seu lucro líquido caiu pela metade no segundo trimestre em relação ao mesmo período do ano passado, enquanto o Bradesco informou lucro líquido de R$ 3,5 bilhões. No fim do dia as atenções se voltam para Petrobras, Fleury e Engie.

Lá fora

As ações globais recuavam nesta sessão, mesmo depois do anúncio do Fed, que vai manter as taxas de juros próximas a zero. As preocupações de investidores, agora, se concentram em torno do aumento dos casos de Covid-19 no mundo e do resultado do segundo trimestre para o PIB norte-americano, que despencou 32,9% no declínio mais forte desde a Grande Depressão.

Em Wall Street, todos os índices tinham queda às 12h15. O Dow Jones caía 1,29%, o S&P 500 tinha queda de 1,21% e o Nasdaq 100 perdia 0,62%.

Também na zona do euro, as ações caíam, com balanços pessimistas e dados do PIB alemão mais fracos do que o esperado. Às 12h20 do horário de Brasília, o FTSEEurofirst 300 caía 1,59%, a 1.394 pontos, enquanto o índice pan-europeu STOXX 600 perdia 2,38%, a 358 pontos.

Na China, os índices encerraram a sessão em baixa, com as ações de tecnologia e recursos básicos liderando as perdas. O CSI300, que reúne as maiores companhias listadas em Xangai e Shenzhen, caiu 0,49%, enquanto o índice de Xangai recuou 0,23%.

(Com Reuters)

Fonte.

Imagem: Aly Song/Reuters

Adicionar comentário